Geral - 13/07/2021 - 08:56:04
SPU realizou mais de 356 mil atos cartorários no primeiro semestre
Secretaria tem agilizado atos de mais de 112 mil processos que tramitam em 50 unidades judiciárias da capital e do interior

Steffannon Costa afirmou que a equipe trabalha com metas para agilizar o cumprimento das determinações judiciais. Steffannon Costa afirmou que a equipe trabalha com metas para agilizar o cumprimento das determinações judiciais.
- SPU realizou quase 360 mil atos cartorários no primeiro semestre deste ano

A Secretaria de Processamento Unificado (SPU) do Poder Judiciário de Alagoas realizou 356.353 atos cartorários de janeiro a junho deste ano. O órgão atualmente agiliza atos de mais de 112 mil processos que tramitam em 50 unidades judiciárias da capital e do interior do estado.

Desde o início do mês, a SPU passou a atuar nos processos de Igaci, Teotônio Vilela, Campo Alegre, São Sebastião, Mata Grande e Quebrangulo, além dos que tramitam na 1ª Vara de Delmiro Gouveia, 1ª Vara de Penedo, 2ª, 3ª e 6ª Varas Cíveis de Arapiraca. 

De acordo com o juiz Hélio Pinheiro, coordenador da Secretaria, um novo aumento no número de unidades contempladas deve ocorrer apenas em 2022. "Nossa meta para este ano é otimizar o trabalho dessas 50 unidades. A SPU tem dado uma contribuição muito significativa para o Poder Judiciário de Alagoas, agilizando o cumprimento dos atos processuais, tornando mais eficiente e mais tempestiva a prestação jurisdicional. Ela está liderando uma revolução silenciosa no nosso sistema de justiça", afirmou.

Entre os atos realizados pelos 129 servidores da SPU estão expedição de ofícios e mandados, juntada de documentos, devolução de cartas precatórias, arquivamento definitivo de processos, entre outros.


Para o juiz Hélio Pinheiro, SPU está promovendo uma revolução no sistema de justiça. Foto: Caio Loureiro

Um dos processos movimentados pelo órgão é o que envolve a falência da Laginha Agroindustrial. "Essa é uma ação complexa, com mais de 100 mil páginas e mais de 400 apensos. A SPU deixou em dia todos os cumprimentos, com apoio dos juízes que estão à frente da causa", destacou Hélio Pinheiro.

Em razão da pandemia, os servidores desenvolvem suas atividades no regime de teletrabalho. Para o juiz, a equipe se adaptou bem ao trabalho remoto. "A produtividade não caiu, pelo contrário, aumentou", garantiu.

O chefe da SPU, Steffannon Costa, destacou que a equipe trabalha com metas e que busca agilizar o cumprimento das determinações judiciais. Também segundo ele, o trabalho remoto tem sido positivo. "Com a pandemia, mandamos todos para o home office e tivemos aumento da produtividade dos servidores. Para a SPU, o teletrabalho está sendo muito benéfico e satisfatório", avaliou.   

Implantada em julho de 2018, a SPU tem como finalidade não deixar acumular ações no Judiciário estadual, concentrando e agilizando o cumprimento de atos de processos. A unidade tem como superintendente o desembargador Fernando Tourinho.

Diego Silveira - Dicom TJAL
imprensa@tjal.jus.br


Curta a página oficial do Tribunal de Justiça (TJ/AL) no Facebook e acompanhe nossas atividades pelo Twitter. Assista aos vídeos da TV Tribunal, visite nossa Sala de Imprensa e leia nosso Clipping. Acesse nosso banco de imagens. Ouça notícias do Judiciário em nosso Podcast.